Como é bom ter amigos, melhor ainda amigos que moram em outras cidades. Muita sorte é ter amigos queridos pelo mundo.

Quando vamos viajar, entramos em vários blogs, anotamos as dicas, tentamos seguir os caminhos.
Mas quando temos amigos, muitas vezes eles nos levam a lugares que adoram e “vivemos a vida deles” por um dia ou até mesmo uma semana.
Por um dia parece pouco, mas imagina por um dia você não ter que analisar qual metro/ ônibus pegar para chegar naquele lugar e ter que abrir o mapa para saber se entrou na rua certa. Não acho que perco tempo me perdendo, acho que até encontro lugares interessantes me perdendo, mas é diferente. Pare para pensar. Temos um “guia” só nosso. Sabe aquela pessoa segurando a bandeirinha? Rsrsrs
Estava lembrando da viagem para Istambul, quanto eu paguei de metro? Não lembro! Que metro pegamos para chegar na Mesquita azul? Nem imagino. A nossa querida viajette Karina, foi nos guiando e por fim saiu tudo perfeito. Ela nos emprestou o próprio carro na Capadócia para passearmos, como não compramos um chip pegamos um mapa e fomos. Foi divertido, mas óbvio que nos perdemos e não fomos a uma cidade que ela tinha falado!
E em Amsterdam que minha amiga mudou de apartamento e eu “só” sabia pegar o “tram” n.5 e agora é o 4. Já me perdi!! Rsrs E olha que sou muito boa em me localizar. Mas quando estou com alguém que conhece o lugar, nunca presto muita atenção nos detalhes.
Na minha última viagem peguei o metrô na direção errada, a bateria do celular acabou, ainda bem que respirei fundo e não entrei no primeiro trem que vi, fui olhar um painel com todos os trens e metrôs que passavam ali e os horários, me encontrei e demorei mais de 30 minutos para chegar. Mas como “presente” vi um por do sol incrível!
Em Londres aconteceu o mesmo fui a lugares que não tinha ido antes, me diverti demais. Fiz e vi muito em poucas horas.
Aos meus queridos amigos eu agradeço por morarem em outros lugares e por serem tão gentis e queridos. Por me hospedarem e por me mostrarem um pouco do seu “mundo”.
Claro que fico a disposição se alguém quiser que eu mostre um pouco da minha linda São Paulo. E quem sabe um dia desses, eu tome um copo de coragem e mude para outro lugar.
Debora Giusto

Debora Giusto

Sou paulista, mas no meu sangue circula viagem, culpa do pai italiano e da mãe de Ponta Grossa, no Paraná.Sou dentista/ortodontista, adoro o que faço e, como os amigos dizem: “risco” a agenda e vamos viajar! Pode ser sozinha, com amigos ou em família. A meta é conhecer muitos lugares e pessoas pelo mundo. Se for para um destino frio, melhor ainda!
Debora Giusto

Últimos posts por Debora Giusto (exibir todos)

Share This:

Amigos pelo mundo!

Comentários

comentários

Classificado como: